Archive for the ‘CURSO GRATIS’ Category

Cursos de capacitação gratuitos para pessoas com deficiência em São Paulo

outubro 2, 2009
Governo SP oferece cursos de capacitação gratuitos para pessoas com deficiência
As pessoas com deficiência terão acesso a cursos gratuitos de capacitação profissional a partir de outubro. Ao todo, serão 1.100 vagas em 13 cursos de diferentes especialidades, que serão oferecidos pela Secretaria do Emprego e Relações do Trabalho (SERT) em parceria com a Secretaria dos Direitos da Pessoa com Deficiência  em 21 cidades do Estado.
A distribuição de vagas nos cursos pelo interior considerou o número de pessoas com deficiência cadastradas no programa de intermediação de mão de obra da SERT, um sistema gratuito de cadastro de vagas e currículos, denominado Emprega São Paulo (www.empregasaopaulo.sp.gov.br).
Os candidatos
Terão preferência na ocupação das vagas as pessoas com deficiência que ainda não tenham completado o ensino fundamental, tenham idade entre 30 e 59 anos e que tenham menor renda.
Poderão participar dos cursos todas as pessoas desempregadas com deficiência inscritas no Emprega São Paulo. O programa oferecerá bolsa de R$ 210,00 mensais, durante os três meses de realização do curso, apenas para os participantes que não recebem seguro desemprego e benefícios previdenciários continuados. Beneficiários de programas assistenciais poderão participar dos cursos, sem que exista a perda do benefício.
Os cursos
Os cursos oferecidos são Recepcionista, Auxiliar de escritório, Vendedor em comércio (atacadista e varejista), Promotor de vendas, Repositor de mercadorias, Atendente de lanchonete, Operador de caixa (exceto banco), Garçom, Faxineiro, Alimentador de produção, Porteiro, Auxiliar de limpeza e Operador de Call Center (confira lista abaixo). Todos terão carga total de 200 horas, com cinco horas de aulas diárias. As aulas começarão na primeira quinzena de outubro e vão até a primeira quinzena de dezembro.
O curso de Operador de Call Center, ministrado na capital paulista, no bairro da Aclimação, será voltado especialmente para pessoas com deficiência visual e terá carga horária de 300 horas. Nesse caso, os pré-requisitos são o ensino fundamental completo e o domínio da leitura em braile ou caracteres ampliados.
Como participar
Os candidatos deverão cadastrar o seu currículo no site http://www.empregasaopaulo.sp.gov.br, e, na última fase de cadastro, optar pelo curso de qualificação. As convocações dos selecionados serão realizadas por meio de correspondências encaminhadas pela SERT. O cadastro dos candidatos que não forem convocados para os cursos neste final de ano poderão ser convocados para os próximos cursos de capacitação profissional do Programa de Qualificação -SERT.
O coordenador da Secretaria da Pessoa com Deficiência, Cid Torquato, explica que, além da possibilidade de capacitação gratuita, os cadastros dos candidatos à capacitação serão úteis no mapeamento das principais carências por aperfeiçoamento profissional das pessoas com deficiência no Estado. “Poderemos verificar quais são e onde estão as maiores demandas de qualificação entre os paulistas com deficiência e procurar estabelecer mais parcerias para atendê-las”, diz.
A partir do ingresso no cadastro do Emprega São Paulo e mesmo durante o período de realização dos cursos, os candidatos podem ser convidados pelas empresas parceiras a preencherem vagas disponíveis em seus quadros. Pesquisas com egressos de cursos anteriores da SERT indicam índice de empregabilidade dos participantes superior a 50%.
Da Secretaria dos Direitos da Pessoa com Deficiência

Mais de mil vagas disponíveis em cursos de capacitação gratuitos para pessoas com deficiência em São Paulo

Parceria disponibiliza 1.100 vagas gratuitas na capital e em 20 cidades do Estado de São Paulo para pessoas com deficiência em 13 cursos diferentes

As pessoas com deficiência terão acesso a cursos gratuitos de capacitação profissional a partir de outubro no Estado de São Paulo. Estão sendo disponibilizadas 1.100 vagas para esse público em 13 cursos de diferentes especialidades, oferecidos pela Secretaria de Estado do Emprego e Relações do Trabalho em parceria  com a Secretaria de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência  em 21 cidades do Estado.

A distribuição de vagas nos cursos pelo interior considerou o número de pessoas com deficiência cadastradas no programa de intermediação de mão de obra da SERT, um sistema gratuito de cadastro de vagas e currículos, denominado Emprega São Paulo (http://www.empregasaopaulo.sp.gov.br).

Os Candidatos

Terão preferência na ocupação das vagas as pessoas com deficiência que ainda não tenham completado o ensino fundamental, tenham idades entre 30 e 59 anos e que tenham  menor renda.

Poderão participar dos cursos todas as pessoas desempregadas com deficiência inscritas no Emprega São Paulo. O programa oferecerá uma bolsa de R$ 210,00 mensais, durante os 03 (três) meses de realização do curso, apenas para aqueles participantes que não recebem seguro desemprego e benefícios previdenciários continuados. Beneficiários de programas assistenciais poderão participar dos cursos, sem que exista a perda do benefício.

Os Cursos

Os cursos oferecidos são: Recepcionista, Auxiliar de escritório, Vendedor em comércio (atacadista e varejista), Promotor de vendas, Repositor de mercadorias, Atendente de lanchonete, Operador de caixa (exceto banco), Garçom, Faxineiro, Alimentador de produção, Porteiro, Auxiliar de limpeza e Operador de Call Center (confira lista abaixo). Todos os cursos terão carga total de 200 horas, com cinco horas de aulas diárias, a serem iniciados na primeira quinzena de outubro e finalizados na primeira quinzena de dezembro.

O curso de Operador de Call Center, ministrado na capital paulista, no bairro da Aclimação, será voltado especialmente para pessoas com deficiência visual e terá carga horária total de 300 horas. Nesse caso, os pré-requisitos são o ensino fundamental completo e o domínio da leitura em braile ou caracteres ampliados.

Como Participar

Os candidatos aos cursos deverão cadastrar seu currículo no sitehttp://www.empregasaopaulo.sp.gov.br/, e, na última fase de cadastro, optar pelo curso de qualificação. As convocações dos selecionados serão realizadas por meio de correspondências encaminhadas pela SERT. O cadastro dos candidatos que não forem convocados para os cursos neste final de ano poderão ser convocados para os próximos cursos de capacitação profissional do Programa  de Qualificação -SERT.

O coordenador da Secretaria da Pessoa com Deficiência, Cid Torquato, explica que, além da possibilidade de capacitação gratuita, os cadastros dos candidatos à capacitação serão úteis no mapeamento das principais carências por aperfeiçoamento profissional das pessoas com deficiência no Estado. “Poderemos verificar quais são e onde estão as maiores demandas de qualificação entre os paulistas com deficiência e procurar estabelecer mais parcerias para atendê-las”, disse.

A partir do ingresso no cadastro do Emprega São Paulo e mesmo durante o período de realização dos cursos, os candidatos podem ser convidados pelas empresas parceiras a preencherem vagas disponíveis em seus quadros. Pesquisas com egressos de cursos anteriores da SERT indicam índice de empregabilidade dos participantes superior a 50%.

Relação de Municípios atendidos, cursos, vagas e turmas oferecidos:

São Paulo; Repositor de Mercadorias, Atendente de Lanchonete, Recepcionista, Porteiro, Auxiliar de Limpeza, Alimentador de Produção, Operador de Telemarketing; 360 vagas; 18 vagas.

Campinas; Vendedor em Comércio (atacadista ou varejista), Auxiliar de Escritório, Recepcionista; 60 vagas; 3 turmas.

Santos; Auxiliar de Escritório, Garçom, Atendente de Lanchonete; 60 vagas; 3 turmas.

São José dos Campos; Atendente de Lanchonete, Faxineiro, Vendedor em Comércio (atacadista ou varejista); 60 vagas; 3 turmas.

Sorocaba; Atendente de Lanchonete, Auxiliar de Escritório, Alimentador de Produção; 60 vagas; 3 turmas.

Araraquara; Recepcionista; 20 vagas; 1 turma.

Araçatuba; Auxiliar de Escritório; 20 vagas; 1 turma.

Atibaia; Auxiliar de Escritório; 20 vagas; 1 turma.

Bauru; Auxiliar de Escritório, Vendedor em Comércio (atacadista ou varejista); 40 vagas; 2 turmas.

Cubatão e Guarujá; Promotor de Vendas, Auxiliar de Escritório, 40 vagas, 2 turmas.

Franca; Auxiliar de Escritório; 20 vagas; 1 turma.

Guarulhos; Promotor de Vendas, Auxiliar de Escritório; 40 vagas; 2 turmas.

Marília; Vendedor em Comércio (atacadista ou varejista); 20 vagas; 1 turma.

Osasco; Repositor de Mercadorias, Atendente de Lanchonete; 40 vagas; 2 turmas.

Praia Grande; Operador de Caixa (exceto banco); 20 vagas; 1 turma.

Presidente Prudente; Auxiliar de Escritório, Vendedor em Comércio (atacadista ou varejista); 40 vagas; 2 turmas.

Ribeirão Preto; Atendente de Lanchonete, Auxiliar de Escritório; 40 vagas; 2 turmas.

Santo André; Auxiliar de Escritório, Atendente de Lanchonete; 40 vagas; 2 turmas.

São Bernardo do Campo; Alimentador de Produção, Repositor de Mercadorias; 40 vagas; 2 turmas.

São José do Rio Preto; Auxiliar de Escritório, Vendedor em Comércio (atacadista ou varejista); 40 vagas; 2 turmas.

Taubaté; Repositor de Mercadorias; 20 vagas; 1 turma

Fonte: Governo de São Paulo

Anúncios

SECRETARIA ABRE 7,3 MIL VAGAS DE CURSOS DE ALEMÃO, JAPONÊS, FRANCÊS, ESPANHOL E ITALIANO

janeiro 30, 2009
 

Oportunidades estão espalhadas por todo Estado,
em 83 Centros de Estudos de Línguas (CELs)

A Secretaria de Estado da Educação de São Paulo abre nesta sexta-feira-feira, 30 de janeiro, cerca de 7,3 mil vagas para os estudantes que queiram aprender gratuitamente algum dos idiomas: alemão, japonês, francês, espanhol e italiano. A Secretaria mantém 83 Centros de Estudos de Línguas (CELs) espalhados pelo Estado. Somente na capital são 1.220 vagas.
Todos os alunos da rede estadual já têm aulas de inglês na grade curricular. Os CELs oferecem oportunidade para aprendizagem de um terceiro idioma. Para inscrever-se é preciso ser aluno de escola estadual, freqüentando cursos regulares ou supletivos_ a partir da 6ª série do Ensino Fundamental. Estudantes de escolas técnicas estaduais também podem freqüentar as aulas.

“Um outro idioma é importante para o enriquecimento curricular dos estudantes, além de representar um diferencial na hora de disputar vaga no mercado de trabalho”, afirma a secretária de Estado da Educação, Maria Helena Guimarães de Castro.

Os alunos interessados têm até 6 de fevereiro (cronograma depende de cada CEL) para se inscrever. A inscrição deve ser realizada no próprio CEL, mediante apresentação do comprovante de matrícula escolar e documento de identidade. No caso menor de idade, o estudante deve ir acompanhado pelo pai ou responsável.

Os cursos têm duração de três anos, divididos em seis semestres. As aulas acontecem duas ou quatro vezes por semana, no contra-turno, 50 minutos por dia. Somente em 2008 cerca de 20 mil alunos passaram pelos CELs.

Fonte: Maxpress

Programa oferta 20,8 mil vagas para cursos gratis e bolsas

novembro 11, 2008
O Prominp acaba de lançar o Edital Seletivo Público do 4º ciclo do Plano Nacional de Qualificação Profissional. As inscrições poderão ser feitas de 12 de novembro a 19 de dezembro, para cursos gratuitos de níveis básico, médio, técnico e superior, todos voltados para o setor de petróleo e gás natural.


O edital oferecerá 20.891 vagas em 12 estados do país: Amazonas, Ceará, Rio Grande do Norte, Pernambuco, Alagoas, Bahia, Espírito Santo, Rio de Janeiro, São Paulo, Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul.

As inscrições podem ser feitas através do site do programa – http://www.prominp.com.br –, ou nos postos de inscrição credenciados, listados no edital. Além desses, serão criados mais postos no decorrer do período de inscrições. Os mesmos serão informados por meio do site do Prominp e da imprensa, ou pelo telefone da Cesgranrio (0800 701 2028). Para concorrer a uma das vagas oferecidas, o candidato deve ter idade igual ou superior a 18 anos, além de preencher os pré-requisitos do curso desejado.

Detalhes do edital

Do total de vagas oferecidas, 16.808 são para cursos de nível básico, 3.427 para cursos de nível médio, 236 para nível técnico e 420 para cursos de nível superior. A prova nacional será realizada em todas as localidades com oferta de vagas e está agendada para o dia 18 de janeiro.

A taxa de inscrição do processo seletivo é de R$22 para nível básico, R$38 para níveis médio e técnico e R$ 56 para nível superior. Vale lembrar que a inscrição só será confirmada após o pagamento da taxa. Existe a possibilidade de isenção da taxa de inscrição para candidatos que possuírem o Número de Identificação Social – NIS e declararem que não possuem recursos financeiros para pagamento do valor. Para fazer jus à isenção total da taxa, os candidatos devem atender às condições listadas no Edital.

Os candidatos aprovados no processo seletivo que estiverem desempregados durante o curso, receberão uma bolsa-auxílio no valor de R$ 300 mensais para nível básico, R$ 600 para níveis médio e técnico, e R$ 900 para nível superior.

É importante ressaltar que a participação nos cursos do Prominp não garante emprego após a conclusão do curso. O objetivo é oferecer cursos para melhorar a qualificação dos profissionais que serão, eventualmente, aproveitados pelas empresas privadas fornecedoras de bens e serviços do setor de petróleo e gás natural.

Todas as informações sobre os cursos oferecidos nesta etapa de seleção podem ser obtidas no Edital, que estará disponível para consulta e download, a partir do dia 10 de novembro, nos sites do Prominp e da Cesgranrio (www.cesgranrio.org.br), e a partir do dia 12 nos locais de inscrição. Para consultar o Edital, clique aqui.

— Confira aqui!