Archive for the ‘Celulares’ Category

Lindsay Lohan aparece fumando em Paris

outubro 12, 2009
0,,26567144,00
 
Lindsay Lohan não desgrudou do cigarro durante sua passagem por Paris na tarde do sábado (11). Nas imagens, publicadas pelo site “Faded Youth”, a atriz falava ao celular enquanto fumava.   
De acordo com o site “Female First”, a problemática Lindsay pode precisar voltar para a reabilitação por conta de uma suposta dependência por um novo coquetel de medicamentos. Os pais da atriz, Michael e Dina Lohan, estariam preocupados com o estado da filha e cogitam obter ajuda profissional.
Fonte: Quem acontece

Anúncios

iPhone 3GS gasta bateria demasiado depressa

setembro 22, 2009

Parece que a Apple ainda está a braços com problemas nas baterias dos iPhones 3GS. Há queixas de que estas se esgotam demasiado depressa.

 
iphone-3gs-ce3a 

De acordo com a CNet, há vários utilizadores nos fóruns de ajuda da Apple a queixar-se de que os seus iPhones 3GS esgotam a bateria demasiado depressa.

Parece que em alguns casos, a bateria vai ficando sem energia mesmo com o telemóvel em standby. Outros, queixam-se que, depois de uma carga completa, o telefone avisa de que está com pouca carga após o envio de um par de SMS ou de e-mails. A CNet avança que desactivar funcionalidades exigentes como as Push Notifications ou o Bluetooth não tem qualquer efeito sobre a autonomia destes telemóveis.

Alguns leitores da Exame Informática têm também vindo a queixar-se sobre a fraca autonomia dos iPhone 3G, depois de actualizarem o firmware do aparelho para o iPhone OS 3.1. Tal como acontece com o 3GS, também o iPhone 3G gasta demasiado depressa a bateria mesmo estando em standby, dando a impressão de que o smartphone não fica verdadeiramente adormecido.

A Apple está a investigar os casos, mas até agora ainda não há uma explicação para o que poderá estar a dar origem a esta fraca autonomia.

Fonte: Exame Informática

Por que é tão perigoso dirigir e falar ao celular ao mesmo tempo?

fevereiro 27, 2009
  Imprimir E-mail
A melhor e mais eficaz recomendação é desligar o celular ao assumir o volante.
Quando se guia um automóvel, entre 90% e 95% das informações necessárias para administrar riscos estão relacionadas à visão. 

No início deste ano, as agências internacionais de notícia do mundo todo deram destaque ao caso da britânica Philippa Curtis, de 21 anos, que foi condenada a 21 meses de prisão por ter provocado um acidente em que morreu Victoria McBryde, de 24. O celular de Curtis mostra que ela enviou 20 torpedos antes de bater na traseira do carro da vítima, segundo reportagem do jornal inglês “Daily Mail”.

Desde dezembro de 2007, usar celular ao volante pode dar cadeia na Inglaterra. A regra anterior era similar à brasileira, mas as autoridades perceberam que as punições eram insuficientes para desencorajar motoristas a usar o celular enquanto dirigiam. Agora, quem insistir na prática pode ser condenado a pelo menos dois anos de prisão. A nova regulamentação também estabelece que a promotoria pode condenar os infratores por homicídio culposo e punir os motoristas com a pena máxima prevista pelo país, a prisão perpétua, caso seja confirmado que o veículo foi usado como uma arma.

Dentre os muitos inconvenientes sociais causados pela má utilização do celular, os perigos do uso do aparelho no trânsito das grandes cidades preocupam autoridades no mundo todo. No Brasil, multa de R$ 85 e quatro pontos na carteira de habilitação são as punições descritas no Código de Trânsito Brasileiro, que classifica como infração média o ato de dirigir com apenas uma das mãos ou falando ao celular. Fones de ouvido ou viva-voz também são proibidos.

“Com o celular no ouvido, o motorista reage de forma mais lenta. Dificilmente olha para o retrovisor, assume uma trajetória errática na via, reduz ou ultrapassa a velocidade compatível com o tráfego. Avança o sinal, tem dificuldade para trocar marchas e simplesmente não vê as placas de sinalização no trânsito. Cada uma dessas situações já poderia desencadear um acidente. Agora imagine o potencial de estrago da combinação delas…”, afirma o oftalmologista Virgilio Centurion, diretor do IMO, Instituto de Moléstias Oculares.

Mesmo sabendo que se trata de uma infração, os motoristas insistem em atender ao telefone por acreditar que isso não é nada de mais e vão desligar logo. “A atitude pode mudar quando as pessoas reconhecerem que o que está em jogo é a vida delas e as de outras pessoas. Só a maior fiscalização pode modificar um mau hábito social, mas no âmbito individual, impõe-se uma mudança cultural para que a ansiedade em se comunicar não se sobreponha à própria sobrevivência e à segurança de terceiros”,diz Centurion.

Números da infração

    * Somente em São Paulo foram feitas 237 mil autuações de motoristas falando ao celular em 2007, a quarta infração de trânsito na capital naquele ano;
    * No Rio de Janeiro, o número de multas aplicadas a motoristas que falam ao celular enquanto dirigem chegou a 9 mil na cidade do Rio de Janeiro, segundo informações de um estudo realizado pelo Detran. Ao analisar os seis primeiros meses de 2008, as infrações deste tipo atingem 45 mil, contra 39 mil registradas no mesmo período do ano passado;
    * Exceder a velocidade, avançar no sinal vermelho e na parada obrigatória e dirigir utilizando telefone celular foram as principais infrações cometidas, respectivamente, no trânsito de Goiânia, em 2007 e 2008;
    * No Mato Grosso do Sul, o Detran registrou, em 2008, cerca de 83.575 infrações de trânsito que resultaram em multas. Apenas em infrações como não usar o cinto de segurança ou o capacete foram quase 1.800 multas durante o ano. A infração com o número mais surpreendente é a de uso de celular no trânsito, quase 9.600 pessoas foram multadas;
    * Em 2008, dirigir ao celular rendeu multa a  21.724 condutores de veículos em Fortaleza;
    * Os motoristas de Belo Horizonte nunca foram tão multados. No ano passado, a BHTrans emitiu nada menos que 640,9 mil autuações na capital, número 32% superior ao de 2007. No ranking das sete infrações mais cometidas, acelerar até 20% a mais que o permitido é a líder. Em seguida, estão estacionar em desacordo com a sinalização e dirigir com fones ou celular aos ouvidos.

FONTE: Detrans dos estados mencionados.

Onde mora o perigo?

Ao atender o celular em quanto dirige, o motorista está usando a audição e não a atenção dirigida para guiar o carro. “Dizer que é fácil fazer as duas coisas ao mesmo tempo não é verdade: o cérebro precisa fazer contas, calcular ações e desviar a atenção do controle visual e motor para o auditivo. As reações ficam mais lentas e isso propicia a ocorrência de acidentes. A audição é decodificada em uma área no cérebro e a visão, em outra. Ou seja, ele faz duas coisas quando deveria fazer uma só”, explica o oftalmologista Eduardo de Lucca, que também integra o corpo clínico do IMO.

O celular tocando desvia a atenção de quem está guiando e dá início ao procedimento de risco: a primeira ação do motorista quando o aparelho toca é procurá-lo. “Para atender, será necessário o uso de uma das mãos. Se for colocado no ouvido, haverá restrição do campo visual”, diz Eduardo de Lucca.

Se telefone e direção já formam uma combinação de risco, digitar uma mensagem ao celular potencializa o perigo. “Quem tenta fazer isso tem que tirar as mãos do volante, se concentrar em um teclado minúsculo e ainda pensar na elaboração dos textos”, destaca o médico.

Recomendações importantes para conquistarmos um trânsito mais civilizado

1)“A melhor e mais eficaz recomendação é desligar o celular ao assumir o volante. Quando se guia um automóvel, entre 90% e 95% das informações necessárias para administrar riscos estão relacionadas à visão. Ao desviar o olhar para atender o celular ou tocar o visor do aparelho, o motorista inicia um vôo cego. O celular distrai tanto que dificilmente o motorista consegue se lembrar do que aconteceu no trânsito, às vezes, esquece até por onde passou enquanto estava telefonando”, alerta Virgilio Centurion;

2) Caso você não possa desligar o celular, nunca faça ligações enquanto estiver dirigindo. Ao receber uma ligação enquanto estiver no volante, o mais prudente é estacionar, “resolver o problema telefônico” e em seguida continuar o seu caminho. “Parar o carro em um local seguro, atender ao telefone e em seguida concentrar-se novamente na direção… Esta é a nossa recomendação”, diz o oftalmologista Eduardo de Lucca;

4) “Por fim, se você estiver acompanhando de menores – crianças e adolescentes – não atenda ao telefone. Não esqueça que a sua conduta serve como exemplo e modelo. Não perca esta chance de educar”, defende o oftalmologista Virgilio Centurion, diretor do IMO.

Fonte: IMO

Faça ligações para celular via Orkut

janeiro 24, 2009

O Orkut ganha um aplicativo da empresa que permite os usuários da rede social ligarem para telefones móveis


Há tempos o Nimbuzz está disponível no Brasil para as pessoas fazerem ligações para celulares direto de seus computadores como se fosse um Skype. Agora, o Orkut ganha um aplicativo da empresa que permite os usuários da rede social ligarem para telefones móveis. 

O serviço de ligação diretamente do Orkut, que ainda oferece chat, mensagens de texto, envio de arquivos e fotos, é possível através da instalação de um aplicativo. Para isto, na seção “aplicativos” basta buscar pelo Nimbuzz Communicator, se cadastrar, seguir os passos de instalação e pronto: seu perfil já estará apto a fazer ligações para o seu celular. 

Além de ligar para telefones móveis, o aplicativo estará visível para todos os amigos de uma pessoa. Com isto, se alguém quiser encontrar determinada pessoa, pode fazer ligações gratuitas para o celular dela. O melhor de tudo é que eles não precisam instalar o aplicativo no perfil, já que tudo é feito através da sua página pessoal.

As ligações gratuitas para o seu celular, no entanto, só funcionarão se você tiver o aplicativo também instalado no seu telefone móvel e também no Orkut. É como se uma pessoa tivesse o seu login no Skype e você instalasse o programa no seu celular. No final das contas, é mais uma idéia inovadora que vai pegar no mercado. Ligar de graça será muito bom para milhares de pessoas; principalmente aquelas que têm contatos no exterior. 

O aplicativo Nimbuzz Communicator está disponível gratuitamente para o Orkut e também para celulares que tenham suporte. Segundo a empresa, além do iPhone e Google Android, há cerca de 1000 modelos compatível com o programa. 

Fonte: Virgula

Site O Globo lança novos canais de notícia via SMS

janeiro 24, 2009

 O site O Globo acaba de ampliar os canais de notícia via SMS (Sistema de Mensagens Curtas) pelo celular. O site ganha 27 canais, totalizando 41. Além do conteúdo já existente (Esportes, times cariocas, Fórmula 1, Rio Show RJ e SP, Economia, Política e Manchetes O Globo), foram criados novos canais para o Globo – Mundo, Rio, São Paulo, Cultura e Entretenimento, Concursos, Vestibular, Horóscopo , além de canais dos colunistas Ricardo Noblat,  Patrícia Kogut e Ancelmo Góis.

Além da criação de novos canais para notícias, os blogs Page Not Found, Ronald Villardo  e Planeta que Rola também ganharam canais SMS. Já no Extra, foram lançados Celebridades, Notícias e Melhor da TV.
 
Para receber os informativos é preciso se inscrever no site (http://oglobo.globo.com/sms/) ou pelo celular. O site O Globo disponibiliza uma página explicativa sobre o Sistema de Mensagens Curtas (SMS) que está disponível para as operadoras Claro, Oi, Brasil Telecom, Vivo, CTBC, Amazônia Celular e Sercomtel

Fonte: Portal IMPRENSA

Anatel processa Oi e Telefônica por não cumprirem acordo de levar banda larga a escolas

janeiro 18, 2009

As empresas de telecomunicações Telefônica e Oi estão sendo processadas pela Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações) por não cumprirem integralmente o compromisso de levar às escolas públicas Internet em banda larga.Em um acordo feito com o Governo federal, a Telefônica deveria fornecer conexão em alta velocidade a 3.665 escolas do Estado de São Paulo até 31 de dezembro de 2008, e a Oi deveria beneficiar 12.680 escolas em todo o Brasil.No entanto, apenas 70% da meta prevista foi cumprida. Da proposta da Telefônica, 1.117 escolas ficaram de fora, e a Oi não beneficiou 3.856 dos estabelecimentos combinados. De acordo com a Agência Estado, as empresas de comunicação Brasil Telecom e a CTBC atenderam a todas as escolas previstas.

Para Dirceu Baraviera, gerente geral de Serviços Privados de Telecomunicações da Anatel, a Oi e a Telefônica alegaram problemas na implantação do programa. Uma das justificativas foram as férias escolares, que mantiveram parte das escolas fechadas em dezembro.

As empresas terão até abril para regularizar a situação, e deverão cumprir a meta de 2009, que prevê banda larga em mais 22 mil escolas. A multa pelo decumprimento do acordo pode chegar a R$ 25 milhões.

Apesar das empresas não terem cumprido integralmente o compromisso, André Barbosa, assessor especial da Casa Civil, declarou que o número de 17.861 escolas atendidas é positivo. “Não posso dizer que é um número que não nos agradou”, disse ao jornal O Estado de S.Paulo

Fonte: Portal Imprensa

Celular vira sinal de status em Cuba

janeiro 5, 2009
Filas de espera de mais de um ano para comprar um celular. Essa é a situação em Cuba. Por 80 dólares, aproximadamente, qualquer um – desde que o governo concorde – pode comprar um celular. Só que o salário mensal médio é de pouco mais de 20 dólares. Assim, um celular é um sonho quase impossível para a maioria. Pois bem, todos os cacarecos que não interessam a ninguém nos dias de hoje no Brasil, seriam mais do que bem vindo em Cuba. A possibilidade de ter um celular foi decisão de Raul Castro. Antes era proibido. Agora é possível alguém ter legalmente um dvd, um computador e um celular. Coisas da “democracia” cubana que completa 50 anos. O mais curioso e que os celular não falam. A maioria deles é usada para mandar mensagens já que o serviço é caro e, pior, existem poucos funcionando. Assim, quando alguém recebe uma ligação, identificam o número e chamam de um telefone fico. Mesmo assim, ter um telefone celular é o símbolo máximo de status. É uma situação melancólica para um regime que prometeu o paraíso.
Fonte: Tempo Real

Madonna no Brasil: Mesmo com furtos e proibições, câmeras marcam presença em show

dezembro 20, 2008

937741-0560-ga
Por volta das 20h30 desta quinta-feira, cerca de 67 mil pessoas estavam no Morumbi à espera do primeiro show da rainha do pop, Madonna, na cidade de São Paulo após 15 anos. Quem olhava da arquibancada podia ver uma multidão de luzes saídas das câmeras digitais, proibidas – a princípio – de entrarem no estádio. Nem os furtos que ocorreram do lado de fora impediram os fãs de apontarem suas “armas” para o palco da rainha do pop.

Registrando cada momento – uma grande quantidade de vídeos foi colocada na madrugada desta sexta-feira no You Tube -, o público delirou por duas horas ao som das canções do disco Hard Candy e de antigos hits como Into the Groove, Vogue e Like a Prayer.

Nem Madonna parecia incomodada com o grande número de cliques. A cantora até chegou a dizer que “São Paulo era o melhor lugar de todos”.

É compreensível, porém, a proibição de câmeras digitais dentro do estádio, especialmente se levarmos em conta que Madonna faz shows milimetricamente coreografados – desde a posição do pé até suas pequenas falas. Claro, há momentos espontâneos, mas eles são mínimos diante do grande espetáculo.

Neste caso, permitir o uso de câmeras é quase tão arriscado como deixar seu DVD ao vivo chegar ao público antes dele ter ficado pronto. E no caso de Madonna traz alguns riscos exclusivos: no Rio de Janeiro, ela perdeu toda a sua “majestade” ao levar um tombo categórico no palco molhado.

Uma coisa é certa: nem a rainha do pop tem autoridade para enfrentar a era digital. Madonna, no entanto, pode ficar tranqüila: muitas pessoas sabiam de todos os números e estavam exaltadas com sua performance. Nada como um show ao vivo.

fonte: Terra

Discovery estréia TV para celular no Brasil

dezembro 11, 2008

Celular: operadoras recheiam o Natal com promoções para todos os gostos

novembro 26, 2008

Há desde a possibilidade de migrar de plano sem multa até dividir a conta e a oferta de bônus em minutos

SÃO PAULO – Neste ano, Papai Noel provavelmente vai receber as “cartinhas” de pedido de presentes por SMS e promete se comunicar com todo mundo por celular.
Isso porque a crise financeira mundial, que vem afetando o bolso dos investidores e empresários, não chegou até o setor da telefonia móvel. E as operadoras prometem comemorações natalinas recheadas de promoções para todos os gostos.
Então, confira o que as cinco concorrentes de São Paulo estão oferecendo para os usuários, sejam os novos ou os antigos, sejam os pré-pagos ou pós-pagos.
Mas, atenção: é importante entrar no site da empresa e conferir exatamente o que diz o regulamento das promoções para se certificar de todas as especificações e, assim, não ser confundido.

Experimentar e escolher
Após um mês da agressiva promoção que iniciou as atividades da Oi no estado de São Paulo, a empresa lança sua oferta de Natal destinada aos clientes do pacote Oi Conta Total (que inclui telefone fixo, móvel, internet e DDD).
A operadora permitirá que os clientes migrem entre as cinco opções de plano (Oi Conta Total 1 a 4 e o Oi Conta Total Light), a qualquer momento, sem cobrança de multa.
Já os novos clientes ganharão créditos de até R$ 1.100, divididos em dez parcelas, e desconto de 30% sobre o valor da assinatura (válido para todos os pacotes e em todos os 16 estados onde a companhia atua), por até 6 meses.
Para participar, é necessário adquirir o serviço até o dia 31 de janeiro de 2009.

Usar e ganhar
A TIM, por sua vez, está oferecendo para os planos pós-pagos, tanto os atuais quanto os novos, desconto de até R$ 2.009 para a compra de qualquer aparelho celular do seu portfólio.
Já para os planos Conta Fixa, Meia Tarifa, Light 40, TIM Brasil e TIM Família Pós, os consumidores poderão receber até 2 mil minutos de bônus durante três meses para ligações locais para qualquer TIM fixo ou móvel.
Os usuários TIM 25, Meu Jeito, Plano 1 e TIM Família, por sua vez, ganharão bônus da seguinte forma: a quantidade que gastarem no mês será multiplicada por 10. O bônus máximo será de R$ 1 mil, dos quais um terço poderá ser gasto com ligações de longa distância e dois terços, com ligações locais (ambos para qualquer número TIM).
Para participar, tanto o cliente pré quanto o pós têm de ligar *222 do próprio aparelho TIM e se cadastrar até 31 de dezembro de 2008. Além disso, para os atuais clientes, há cobrança de uma taxa única de R$ 14,90 para pós e de R$ 5,90 para pré.

Compartilhando os gastos
Agora, se você busca alguém com quem dividir suas contas, saiba que a operadora Claro está proporcionando isso neste Natal. Aqueles que habilitarem nova linha pós-paga nos planos Estilo, Claro Família e Claro 3G terão desconto de 100% no valor da fatura por três meses alternados (o consumo que excede a franquia fica por conta do usuário).
A operadora também oferece, por seis meses, bônus de 50 mensagens de texto para qualquer número Claro e 50 minutos para vídeo chamada 3G ou Web.
Já os novos usuários do plano pré-pago Claro Cartão ganharão, a cada 1 minuto de chamada originada, 10 minutos para falar com outro Claro (a oferta é válida mediante recarga mensal mínima de R$ 11), durante seis meses.
Além disso, o cliente ainda ganhará 20 torpedos em meses alternados, para usar com outro número Claro.

Beneficiando quem já é usuário
A fim de beneficiar quem já é usuário dos serviços da operadora, a Vivo oferece suas promoções para os clientes pós-pagos sem qualquer taxa de adesão. Já na modalidade pré-paga, a empresa oferece gratuidade para os 5 milhões de usuários que se cadastrarem primeiramente e taxa promocional de R$ 4,90 para os demais.
A adesão pode ser feita até 12 de janeiro de 2009. Para se cadastrar, o cliente pode ligar para *9000 do próprio celular Vivo ou acessar o site (www.vivo.com.br/natal).
Em São Paulo, os planos Vivo Econômico, Vivo Escolha e Vivo Completo ganham 10 vezes o valor dos minutos contratados válidos para ligações locais Vivo por seis meses, além de 150 minutos mensais para falar de Vivo para fixo, nos três primeiros meses.
Já os clientes pré-pagos, a cada um minuto usado, ganharão 10 minutos diários (o bônus máximo possível é de R$ 20 por dia). Para aderir à promoção, além do cadastro, o usuário deve fazer recarga mínima que varia de R$ 12 a R$ 17 por mês.

Muito além de promoções
A assessoria de imprensa da Aeiou, por sua vez, informou que a operadora já possui o melhor preço do mercado e a sua estratégia não é criar promoções sazonais.
Ela pretende efetivamente ser a opção de todo o ano e não apenas durante a validade da promoção.