Bob Buniquist é bicampeão da Oi MEGARAMPA

 logo_megarampa274408_98114_bob_trofeu2

Skatista brasileiro repetiu a vitória do ano passado e fez a alegria dos dez mil torcedores que superlotaram as arquibancadas do Sambódromo
São Paulo – Bob Burnquist conquistou o bicampeonato da Oi MEGARAMPA 2009, neste domingo, e fez vibrar as 10 mil pessoas que lotaram o Sambódromo do Anhembi, em São Paulo (SP). Em segundo lugar ficou o australiano Jake Brown, mesma colocação que ele obteve em 2008. O norte-americano Adam Taylor completou o pódio. Pedro Barros terminou na quinta posição, atrás de Rob Lorifice, dos Estados Unidos. O canadense Pierre Luc-Gagnon, um dos seis finalistas, se contundiu e ficou de fora da bateria decisiva.

“Eu me sentia na responsabilidade de ganhar, pois o campeonato era no Brasil, diante da torcida, e o Jake (Brown) havia vencido a última competição da modalidade. Não consegui dormir direito a noite passada, mas deu tudo certo e estou feliz, pois fiz uma boa descida mesmo com o vento forte atrapalhando muito”, afirmou Bob Burnquist. “O mais importante desta segunda edição da Oi MEGARAMPA foi a evolução que todos os skatistas mostraram, o que me deixa mais satisfeito ainda”, emendou o brasileiro, que recebeu um prêmio de US$ 16 mil (cerca de R$ 28.800,00) pela vitória, além de um lindo troféu confeccionado com madeira com certificado FSC.74408_98111_jake3

Jake Brown também ficou feliz com a segunda colocação. “Sabia que seria difícil vencer o Bob aqui no Brasil. Mas estou tranquilo, pois me diverti muito neste país que eu adoro e quero voltar sempre”, afirmou o skatista de Sydney, na Austrália, que antes de competir na capital paulista, fez um giro pelo Nordeste brasileiro. Adam Taylor, sexto colocado em 2008, também declarou ter ficado satisfeito com o terceiro lugar. “Consegui encaixar meu skate no pé, apesar do vento forte, e melhorei meu resultado em relação ao ano passado”, avaliou o atleta da Flórida (EUA).

Garoto prodígio – Um dos destaques da Oi MEGARAMPA 2009 foi o catarinense Pedro Barros, de apenas 14 anos. O skatista de Florianópolis, que já havia desafiado a rampa de 105 metros de extensão e 27 metros de altura – equivalente a um prédio de nove andares – no ano passado, surpreendeu ao se classificar para as quartas-de-final em primeiro lugar entre seis atletas e, mais ainda, ao conseguir ser o único brasileiro a avançar para as semifinais – Bob Burnquist já estava pré-classificado –, derrotando atletas bem mais experientes.

“Foi tudo irado para mim. Vim para São Paulo para me divertir e foi bem melhor do que esperava”, disse Pedro Barros, logo após receber um beijo e um abraço do pai, André Barros, ao término de sua sessão na finalíssima. “Não dá nem para acreditar que ele conseguiu a quinta colocação competindo com skatistas bem mais rodados”, ponderou o patriarca da família. Pedrinho foi muito elogiado por Bob Burnquist. “O garoto, sem dúvida, foi a revelação do campeonato e tem grande potencial”, afirmou o bicampeão da Oi MEGARAMPA.

BMX – Os norte-americanos Anthony Napolitan e Kevin Robinson levantaram as arquibancadas em uma “Demo” (demonstração) de BMX realizada na manhã deste domingo. Depois, subiram ao pódio para dividir a primeira colocação obtida nos dois desafios em que se confrontaram no sábado à tarde. O primeiro ganhou a disputa de melhor manobra no “gap”, com um “no handed front flip” (mortal para a frente sem as mãos); o segundo foi o melhor no “quarter-pipe” (último obstáculo da pista), ao arriscar e completar um “no handed flair” (parafuso sem às mãos).

Sustentabilidade – Bob Burnquist, conhecido por seu engajamento em questões socioambientais, firmou, diante das dez mil pessoas que lotaram as arquibancadas do Sambódromo do Anhembi, seu nome no abaixoassinado promovido pela Organização Não-Governamental WWF Brasil, ONG que tem como objetivo pressionar os governos mundiais para se posicionarem a favor de um novo acordo global de clima que seja justo, ambicioso e comprometido na 15ª Conferência das Partes da Convenção Quadro de Mudanças Climáticas da ONU, que acontecerá em dezembro, na cidade dinamarquesa de Copenhague.

A ação faz parte da campanha denominada de TicTacTicTac, movimento global liderado por ONGs de diversos países que se dedicam a combater o aquecimento global, incluindo aí a WWF-Brasil.

Outras iniciativas socioambientais fizeram parte da Oi MEGARAMPA 2009: a utilização de madeira com o certificado FSC (em inglês Forest Stewardship Council), que garante a origem legal da madeira proveniente de áreas de manejo florestal, na construção da pista e na confecção dos troféus e o plantio de árvores nativas da Mata Atlântica em quantidade suficiente para absorver todo o CO2 emitido para a realização do evento.

O plano de sustentabilidade da Oi MEGARAMPA 2009 também promoveu a doação de toda a lona “Sanet” e também de vinil – um total de 4 mil m2 – usadas na sinalização e cenografia do evento para o Projeto Arrastão. Essa ONG trabalha com jovens carentes da periferia de São Paulo e utilizará este material para a fabricação de bolsas, sacolas e outros acessórios. Todo material não orgânico gerado pelo evento será reciclado.74408_98117_lay_8097aa

Camarotes – Não foram apenas as arquibancadas da passarela do samba paulistano que estiveram lotadas. Camarotes e área vips também ficaram repletas de entusiastas dos esportes de ação e personalidades. Entre as pessoas públicas que estiveram no Sambódromo do Anhembi destaque para o prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab; o secretário Municipal de Esportes, Walter Feldman; a promoter Priscila Borgonovi, Lucas Silveira (vocalista da banda Fresno), os jornalistas Chico Pinheiro e Graziela Azevedo e Ralf, ex-BBB.

As empresas organizadoras da Oi MEGARAMPA 2009 – Brasil1, MaxSports e Zoobamboo do Brasil – ficaram satisfeitas com os resultados de público e visibilidade alcançados nesta segunda edição. “Foi sensacional. Todas as expectativas foram superadas. Sem falar que o público deu um verdadeiro show. Espero que em 2010 seja ainda melhor. Até porque o evento caiu no gosto popular”, afirmou Marcia Casz, diretora da MaxSports.

Sérgio Mello, da Brasil1 Esporte, concorda com sua parceira. “A Oi Megarampa, a cada ano, se supera. Conseguimos fazer um ótimo evento e estamos muito felizes com o resultado obtido. O público, de 19.200 pessoas nos dois dias, contagiou o Sambódromo e fez a megarrampa brilhar”, afirmou.

O secretario de Esportes do Município, Walter Feldman, foi enfático :
“Não vamos abrir mão da MEGA. Nós queremos este evento em definitivo aqui em São Paulo”.

Classificação final
1º Bob Burnquist (BRA) – 88,50 pontos
2º Jake Brown (AUS) – 83,23
3º Adam Taylor (EUA) – 76,53
4º Rob Lorifice (EUA) – 75,57
5º Pedro Barros (BRA) – 69,88
6º Pierre Luc-Gagnon (CAN) – 00,00

A Oi MEGARAMPA teve o patrocínio da Oi, co-patrocínio de Hawaiian Dreams (HD), Nescau e TNT e supervisão técnica e apoio da Confederação Brasileira de Skate. O evento foi uma realização da Brasil1 Esporte, da MaxSports e da Zoobamboo do Brasil em parceria com a Prefeitura de São Paulo e a Secretaria Municipal de Esportes.

Fotos: Luiz Doro

Roberto Pierantoni – MTb.: 18.194

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: