Porsche GT3 Cup: Paludo ganha a segunda corrida em Curitiba

Foi quase uma repetição da corrida anterior. Miguel Paludo largou na frente, lutou pela vitória com Leo Burti, liderou da primeira à última volta venceu a prova 12 do Porsche GT3 Cup Challenge Brasil, disputada em Curitiba. A maior diferença em relação à prova 11 é que Burti
abandonou com problemas no sistema de transmissão e deixou Paludo tranquilo na liderança: o piloto gaúcho recebeu a bandeirada com 9 segundos de vantagem sobre Constantino Júnior,
segundo colocado, e quase 16 sobre o terceiro, Ricardo Baptista.

A vitória de Paludo só não foi exatamente “de ponta a ponta” porque Burti chegou na frente na primeira curva. Logo depois, Paludo recuperou a liderança e nela permaneceu até receber a bandeira quadriculada. Disputada com pista seca e sob sol, a prova 12 começou com o duelo entre Paludo e Burti pela liderança e com uma disputa a três entre Beto Posses, Ricardo Baptista e Marcel Visconde pelo terceiro lugar. Enquanto isso, Constantino Júnior, que havia largado em 14º lugar, se recuperava e logo aparecia entre os seis primeiros. Posses manteve o terceiro lugar até errar na curva de entrada do miolo e cair para sexto. Constantino, por sua vez, chegou ao terceiro lugar depois de ultrapassar Marcel e Baptista.

A atração maior, entretanto, era a luta pela vitória entre Paludo e Burti. Agressivo, Burti chegou a ficar afastado após uma tentativa mal sucedida de ultrapassagem, mas logo voltou à carga contra o adversário. A seis voltas do final, Burti parou por problemas no sistema de transmissão.
Como sempre acontece nas provas do Porsche GT3 Cup, as disputas nos blocos intermediários foram uma atração à parte. Maurizio Billi, sexto, recebeu a bandeirada apenas 0.5 segundo à frente de Luís Zattar. Atrás deles, o estreante José Mário Castilho terminou em oitavo, batalhando com Tom Valle e Sérgio Ribas. E, atrás deles, Guilherme Figueirôa, Valter Rossete, Adalberto Baptista, Antônio Hermann e Daniel Paludo receberam a bandeirada embolados – apenas 1.5 segundo entre o primeiro e o último do grupo.

Os resultados de Curitiba colocaram Paludo em excelentes condições de conquistar o título nas provas 13 e 14, que serão realizadas em Interlagos como preliminares do GP do Brasil de Fórmula 1. Há 80 pontos em jogo (20 de cada vitória nas quatro provas restantes até o final da temporada) e Constantino Júnior, seu único adversário na luta pelo título, precisa descontar uma desvantagem de 56 pontos. Ricardo Baptista e Marcel Visconde tem possibilidades matemáticas de igualar os 210 pontos de Paludo, mas perderiam o título pelo critério de desempate (número de vitórias ao longo da temporada).
O resultado final da prova 12:
1) 77-Miguel Paludo, 19 voltas em 26:45.187, média de 157,451 km/h
2) 00-Constantino Júnior, a 9.200
3) 27-Ricardo Baptista, a 15.960
4) 55-Marcel Visconde, a 16.515
5) 52-Beto Posses, a 25.629
6) 34-Maurizio Billi, a 28.618
7) 3-Luís Zattar, a 29.107
8) 78-José Mário Castilho, a 32.309
9) 99-Tom Valle, a 32.992
10) 64-Sérgio Ribas, a 33.161
11) 9-Guilherme Figueirôa, a 43.344
12) 21-Valter Rossete, a 43.627
13) 10-Adalberto Baptista, a 43.883
14) 5-Antônio Hermann, a 44.703
15) 89-Daniel Paludo, a 44.813
16) 15-Henry Visconde, a 1:22.522
17) 11-Omilton Visconde Jr., a 1:22.725
18) 7-Clemente Lunardi, a 1 volta
19) 51-Otávio Mesquita, a 5 voltas
20) 87-Leo Burti, a 6 voltas
Volta mais rápida: Miguel Paludo, 1:23.598, média de 159,119 km/h
Todos com Porsche 911 GT3 Cup “997” equipados com pneus Yokohama.
Classificação do campeonato após 12 provas
1) Miguel Paludo, 210 pontos; 2) Constantino Júnior, 154; 3) Ricardo Baptista, 140; 4) Marcel Visconde, 138; 5) Beto Posses, 129; 6) Tom Valle, 107; 7) Sérgio Ribas, 91; 8) Clemente Lunardi, 90; 9) Leo Burti, 74; 10) Luís Zattar, 73; 11) Maurizio Billi, 63; 12) Otávio Mesquita, 46; 13) Guilherme Figueirôa, 46; 14) Marcelo Ometto, 44; 15) Adalberto Baptista, 38; 16) Charles Reed, 32; 17) Valter Rossete, 29; 18) Daniel Paludo, 28; 19) Antônio Hermann, 21; 20) José Mário Castilho, 18; 21) Haroldo Pinto, 17; 22) Omilton Visconde Jr., 15; 23) Henry Visconde, 11; 24) Marcos Barros, 10; 25) Danilo Fernandez, 1 ponto.
FOTOS: Miguel Paludo (77); largada com Leo Burti na frente; os seis primeiros colocados celebram no pódio; Paludo e a noiva Patrícia comemoram a vitória. Crédito: Jorge Sá-JV Photo Racing/divulgação Porsche GT3 Cup.
Porsche GT3 Cup Challenge Brasil
www.porsche.com.br
Twitter: http://twitter.com/porschegt3cup
Blog: www.porschegt3cup.com.br/blog
You Tube: www.youtube.com.br/porschegt3cupbrasil
Assessoria de Imprensa
Luiz Alberto Pandini
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: